Meu Futuro Digital e Softtek se unem para apresentar o mercado de TI a jovens do Projeto Arrastão

Evento contou com a participação de 35 jovens, que visitaram a sede da Softtek em Barueri-SP para conhecerem um pouco mais o dia a dia de uma empresa de tecnologia.

Seguindo com a missão de incentivar e facilitar o ingresso de jovens no mercado de TI, que segundo dados da Brasscom demandará por cerca de 797 mil novos talentos em 5 anos, a multinacional mexicana Softtek e a ONG Meu Futuro Digital se uniram em mais uma iniciativa, dessa vez em parceria com o Projeto Arrastão. 

Realizada em dezembro de 2021, a ação teve como objetivo levar 35 jovens, de 15 a 18 anos, e mais 2 educadores do Projeto Arrastão à sede da Softtek em Barueri-SP para apresentar a eles um pouco mais sobre o mercado de TI, aproximando-os do dia a dia de uma empresa do setor. 

Programação 

O evento foi dividido em três áreas de apresentação dentro do escritório da Softtek, cada uma com um tema diferente dentro do universo de TI, mas todos solicitados pelos próprios jovens do Projeto Arrastão. 

“Antes da visita e com o apoio do Meu Futuro Digital, nós alinhamos toda a iniciativa com a equipe do Arrastão para no dia do evento conseguirmos abordar os conteúdos de forma objetiva, de acordo com os temas de interesse dos próprios jovens e incluindo espaço para responder suas dúvidas. Nosso principal objetivo com essa ação é mostrar que a Softtek está de portas abertas para receber e orientar a todos os interessados em ingressar no mercado de tecnologia, que, sem dúvida, aponta para um futuro promissor no Brasil”, diz Miguel Garcia, country manager da Softtek Brasil. 

Além de Miguel, a ação contou ainda com a participação Cofundador e CEO do Meu Futuro Digital, Rubem Duek, do Gestor de SmartHub do projeto, Rubens Rubini, e dos especialistas da Softtek, Hugo Gombotz e Jacinto Godoy. 

Demais iniciativas realizadas 

Entre outras iniciativas de atração de talentos para área de TI já realizadas pela Softtek com a ONG Meu Futuro Digital estão ainda o apoio às escolas públicas de Ensino Médio no enfrentamento dos desafios inerentes ao ensino de tecnologia – que vão desde complementar ou reforçar a formação e capacitação dos professores à necessidade de infraestrutura adequada e aos gaps curriculares –, e parcerias firmadas com projetos como Ser Mulher em Tech, Toti, Resilia e Universidade Estácio de Sá para incentivar o ingresso de mulheres, refugiados, jovens em situação de vulnerabilidade social e estudantes na área de tecnologia 

“Nosso propósito é transformar o Brasil em um país do futuro através do trabalho e educação por meio da TI, inspirando profissionais a ingressarem na área”, diz Miguel. 

Sobre o Projeto Arrastão  

O Projeto Arrastão é uma organização de desenvolvimento comunitário, fundada em 1968, que acolhe as famílias em situação de pobreza da região do Campo Limpo em programas sociais e educacionais, chegando a atender na região cerca de 14 mil pessoas por ano. Dentro deste escopo uma das principais missões ao longo dos anos tem sido o acolhimento e a preparação de jovens das comunidades da região para o trabalho, despertando suas competências, habilidades e talentos e fazendo articulações, pontes e parcerias para que, após capacitados, acessem o mercado de trabalho de forma mais estruturada e segura, com seus planos profissionais e educacionais de futuro, seja para a empregabilidade ou para o empreendedorismo. A proposta é de capacitar jovens da região para que se sensibilizem e desenvolvam suas habilidades comportamentais para profissionais do século XXI e técnicas para profissões relacionadas à área de tecnologia. 

Sobre o Meu Futuro Digital  

O Meu Futuro Digital é um movimento com o propósito de transformar o Brasil para o futuro do Trabalho por meio da Educação e da Tecnologia da Informação. Um ecossistema de empresas e entidades que tem a intenção estratégica de acelerar a inclusão de jovens e profissionais nas áreas de STEM (sigla em inglês para Ciência, Tecnologia, Engenharia e Matemática), de modo a promover inclusão, formação, mentoria e emprego de alta renda na área de TI no Brasil. 

Sobre a Softtek 

Fundada em 1982 por um grupo de empreendedores, a Softtek iniciou no México fornecendo serviços locais de TI e hoje é um dos líderes globais em soluções digitais de próxima geração. A primeira empresa a apresentar o modelo Nearshore, a Softtek ajuda as empresas Global 2000 a desenvolver recursos digitais de maneira contínua e consistente, desde a concepção e construção até a execução e evolução. Seu impulso empreendedor a levou atuar em mais de 20 países e contar com mais de 15.000 profissionais. Saiba como a Softtek cria valor através da tecnologia emhttps://www.softtek.com/pt/ ou siga @Softtek nas redes sociais.